A marca mais recomendada pelos dermatologistas.

Symptoms

As fases e os sinais do envelhecimento cutâneo

  • Perda de luminosidade, irregularidades de tonalidade e no relevo da pele, rugas finas e linhas de expressão.
Nesta fase, a produção do colágeno, componente fundamental para a firmeza e sustentação da pele, começa a se tornar mais lenta e insuficiente. Surgem então as primeiras linhas finas e rugas de expressão. A pele perde a sua luminosidade e começam a aparecer irregularidades no tom e no relevo da pele.

  • Rugas profundas e início da perda de firmeza
Nesta fase, as fibras de preenchimento da pele não se renovam adequadamente. O colágeno e a elastina da pele se degradam de forma mais intensa, a pele começa a ficar flácida e as rugas tornam-se profundas.

  • Perda de densidade e do contorno facial
O sinal mais evidente de pele madura é a perda da substância fundamental, um gel onde estão imersas as substâncias responsáveis pela sustentação da pele. Com isso, o metabolismo das células é reduzido e a produção de colágeno diminui ainda mais. Ocorre então o relaxamento cutâneo, perda de densidade, alteração do contorno facial e ressecamento da pele.

Origins

Mecanismos ligados ao aparecimento desses sinais

  • A ação dos músculos: a pele é constantemente ativada pelos movimentos dos músculos subjacentes. Essas microcontrações promovem a formação de linhas entre as quais a pele se torna retesada, se estica e finalmente forma um vinco.

  • Declínio hormonal: acontece após a menopausa com a diminuição da produção dos estrogênios, levando a importantes alterações na fisiologia da pele, como, por exemplo, a diminuição da elasticidade e espessura da pele.

  • Renovação celular: Vital para a saúde da pele, a renovação celular promove a substituição das células das camadas mais superficiais da pele por outras mais jovens, deixando a pele mais lisa e uniforme. Esse ciclo de renovação ocorre constantemente, mas vai reduzindo a sua periodicidade ao longo dos anos. Com essa redução, a pele torna-se mais opaca, seu relevo fica mais irregular e as rugas e linhas de expressão ficam mais aparentes.

  • Glicação: As moléculas de açúcar presentes em nosso organismo se fixam sobre as fibras de colágeno e elastina. Ao se fixarem, as moléculas criam ligações entre essas fibras, enrijecendo-as de forma irreversível. A pele perde sua elasticidade e as rugas se formam.

  • Oxidação: Fatores como o Sol, o estresse e a poluição desencadeiam a formação de radicais livres. Ao buscar estabilidade, esses radicais livres podem comprometer o DNA celular e, com isso, as células se regeneram mais lentamente. A pele envelhece.

  • Inflamação cutânea: fatores internos e externos, como a radiação ultravioleta, ativam na pele um processo inflamatório, imperceptível a olho nu. Como resposta a esse processo, o organismo libera substâncias denominadas mediadores inflamatórios, que provocam uma aceleração na degradação das fibras de colágeno e elastina.

Treatments

Ativos específicos para combater o envelhecimento da pele

O uso de produtos anti-idade pode ser um importante aliado para reverter ou prevenir alguns dos mecanismos responsáveis pelo envelhecimento cutâneo. Os principais ativos usados em produtos anti-idade e antirrugas são:

1)    Os antioxidantes, (ex.: Pycnogenol)
2)    Ativos anti-inflamatórios, (ex.: Madecassoside)
3)    Substâncias que estimulam a produção de colágeno (ex.: vitamina C pura)
4)    Agentes hidratantes (ex.: ácido hialurônico).
5)    Esfoliantes (ex.: ácido glicólico)

loading : 1,513 sec